Heitor Romero

Costumo pensar que o cinema é literatura em movimento, é poder dar forma a sentimentos (bons ou ruins). Ele gera sentimentos controversos em cada pessoa, mas nunca gera indiferença, provando ser também uma das mais belas artes: aquela que imita a vida.

E-mail: heitor_romero@hotmail.com

Charles Chaplin Alfred Hitchcock Steven Spielberg
1 Luzes da Ribalta (1952) Disque M para Matar (1954) Os Caçadores da Arca Perdida (1981)
2 O Garoto (1921) Janela Indiscreta (1954) Jurassic Park – Parque dos Dinossauros (1993)
3 Luzes da Cidade (1931) Psicose (1960) A Cor Púrpura (1985)
4 Tempos Modernos (1936) Um Corpo que Cai (1958) Prenda-me Se For Capaz (2002)
5 O Circo (1928) Ladrão de Casaca (1955) O Terminal (2004)

Onde me encontrar…

Cineplayers


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: